Consulta (Acesso Restrito)

Código:   Senha:

 

Puxado pelo Comércio e Serviços, Nova Andradina registra nova alta na criação de empregos formais

José Antônio de Andrade

 

De acordo com o relatório do (Caged) Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, divulgados nesta quinta-feira (23), pelo (MTE) Ministério do Trabalho e Emprego, o nível do emprego no mês de março deste ano, em Nova Andradina subiu em todos os setores pesquisados. Neste período, foram inseridos no mercado de trabalho 79 trabalhadores com carteira assinada. Os dados são o resultado de 549 admissões, menos 470 demissões no período.

 

De acordo com levantamento do Jornal da Nova, através dos dados do Caged, Comercio e Serviços voltaram a se destacar na geração de empregos formais na economia do município. Em março, os setores foram os que mais abriram vagas com carteira assinada, com + 63 postos de trabalho no total.

 

O setor do Comércio foi responsável pela inserção de 14 novos trabalhadores e Serviços, por mais 49. Não por menos, agropecuária, (+7 postos), Utilidade Pública, (+5 postos), Indústria, (+3 postos) e Construção Civil, (+1 posto), também contribuíram para o resultado positivo.

 

Emprego na Região
Em março deste ano, os municípios que mais criaram empregos na região foram Angélica, com (+152 postos), em função do período de contratações na Indústria da cana-de-açúcar, Nova Andradina, com (+79 postos), Deodápolis, com (+40 postos), e Taquarussu, (+1 posto).

 

Os municípios que mais demitiram na região foram Batayporã, com (-32 postos), Bataguassu, com (-17 postos), Ivinhema, com (-10 postos), Novo Horizonte do Sul, com (-2 postos) e Anaurilândia, com (-1 posto).

 



<< Voltar

PARCEIROS


 

 

ANÚNCIOS


(67) 3441-1955
Av. Antonio Joaquim de Moura Andrade, 1840 - Centro | Nova Andradina / MS

Imagem