Consulta (Acesso Restrito)

Código:   Senha:

 

Gás de cozinha fica mais caro, diz Petrobras

Da Redação

 

 

Aumento se deve a uma nova política de preços do combustível e representará um repasse de até 4% às distribuidoras - Foto : Arquivo

A Petrobras informou que o preço do gás de botijão deve sofrer um reajuste a partir desta terça-feira (1). Isso porque a empresa alterou os contratos com distribuidoras de gás liquefeito de petróleo (GLP), o gás de botijão.

 

O botijão de 13 quilos, que é o padrão para uso residencial, deve ficar R$ 0,20 mais caro, em média. De acordo com a Petrobras, o aumento não deverá passar de R$ 0,70 por botijão em nenhum lugar do país.

 

Segundo a Petrobras, o aumento ocorrerá porque os custos com a logística do produto, que eram cobertos pela estatal, serão repassados às distribuidoras. Ainda de acordo com a empresa, na prática isso significa uma redução dos subsídios às distribuidoras, como aconteceu há dois anos com os contratos de fornecimento de diesel e gasolina. A Petrobras explicou que o fim dos subsídios "é importante para evitar distorções".

 

Em Nova Andradina, o valor gás está sendo praticado entre R$ 60 e R$ 65. Segundo um revendedor, com o novo aumento, o preço pode chegar a R$ 72.

 

O preço médio no Estado de São Paulo é de R$ 52,97. O repasse, portanto, ficaria entre R$ 0,53 e R$ 2,12.



<< Voltar

PARCEIROS


 

 

ANÚNCIOS


(67) 3441-1955
Av. Antonio Joaquim de Moura Andrade, 1840 - Centro | Nova Andradina / MS

Imagem