Consulta (Acesso Restrito)

Código:   Senha:

 

Dentro de 60 dias, Nova Andradina contará com o sistema de Zona Azul

Ada Mendonça

 

O crescimento de Nova Andradina com o consequente aumento do fluxo de veículos, especialmente nas áreas centrais da cidade, exige providências para garantir a rotatividade do estacionamento de veículos. O projeto do sistema mais conhecido como Zona Azul tem sido objeto de amplas discussões junto à sociedade e seus representantes, e a sua implantação vem sendo aguardada com muita expectativa.

 

O objetivo é promover a democratização do acesso às vagas, de estacionamento, que hoje, nas principais avenidas e logradouros de Nova Andradina tem sido objeto de muitas reclamações, dado o grande fluxo de veículos. Para a solução deste problema, o prefeito Roberto Hashioka, após ampla discussão, inclusive com a Câmara de Vereadores, formatou o projeto mais conhecido como Zona Azul de Nova Andradina.

 

A vencedora do certame de concessão foi a empresa catarinense Serrana Engenharia Ltda. Seu representante legal, o Sr. Odair José Mannrich esteve neste dia 12, no gabinete do Prefeito, ocasião em que se celebrou o contrato de concessão dos serviços de exploração de estacionamento rotativo de veículos, “em áreas, vias e logradouros públicos, com implantação e manutenção dos equipamentos de controle e operação no Município”.

 

A cerimônia contou ainda com as presenças do presidente da Câmara, Cido Pantanal acompanhado dos vereadores Quemuel de Alencar, Robertinho Pereira, Valter Yasunaka e Newton José de Oliveira; dos secretários Arion Aislan, Márcio Costa, Nair Lorencini, Jozeli Chulli, Umberto Canesque, Silvio Senhorini, Dra. Elizabeth Sumiko Anami; Procuradora Geral do Município, Dra. Priscila Erich; Diretora da Agência de Habitação Maria Eurgênia; Sub-secretário de Saúde, Donizete; Edna Chulli diretora-presidente da Previna; João Dan assessor governamental, entre outros.

 

IMPLANTAÇÃO – o prazo para a implantação será de até 60 dias contados da assinatura do contrato, referente à primeira etapa do sistema, e a segunda etapa terá prazo de até 24 meses para efetivação, contados após o início da primeira etapa.

 

A Zona Azul será dividida em duas áreas, uma de baixa e outra de alta rotatividade, denominadas, respectivamente, de área verde e área azul, portanto contemplando as vias de maior e médio fluxo de veículos na cidade. .

 

TARIFAS – o contrato prevê diferenciação de tarifas a serem cobradas pela empresa concessionária, sendo que haverá isenção para veículos de portadores de necessidades especiais e os idosos pagarão 50% dos valores cobrados tanto na área verde quanto na azul.  Os ciclomotores, motocicletas e similares, também pagarão 50% das tarifas.

 

As áreas demarcadas com sinalização para táxi, farmácia, transporte de valores e outros, terão gratuidade, desde que justificadas e autorizadas. Também haverá tarifa diferenciada para veículos de carga e descarga, no horário de funcionamento da Zona Azul. O estacionamento remunerado nas áreas delimitadas ocorrerá de segunda à sexta-feira, das 8 às 17 horas, e aos sábados, das 8 às 12 horas. Veículos pertencentes ao Poder Público, Polícia Civil, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros não estarão sujeitos ao pagamento.

INFORMAÇÕES AO USUÁRIO - Cabe à empresa concessionária a divulgação de campanhas elucidativas para o conhecimento amplo da população e dos usuários.

 

O prefeito Hashioka argumentou que os custos de investimentos decorrentes de todas as operações do sistema, correrão por conta da concessionária, que,  no entanto, após a implantação, deverá repassar aos cofres públicos, um percentual dos valores auferidos com a concessão.

 

A concessionaria ainda terá como deveres, a prestação do apoio e orientação aos usuários, a monitoração e fiscalização das áreas, além da implantação dos equipamentos eletrônicos necessários à fiscalização e operação do sistema.

 

O prazo de concessão é de 10 anos. A tarifa, que poderá ser revisada anualmente, será de R$1,00 por período de estacionamento, que terá o tempo máximo de permanência no perímetro central de até 4 horas. Nos primeiros 15 minutos, o estacionamento será livre e gratuito.

MELHOR OPÇÃO PARA NOVA ANDRADINA – o presidente da Câmara, Cido Pantanal disse que “o estacionamento rotativo representa um ganho para toda a cidade, e a medida vai gerar melhorias para todos que utilizam a área, haja vista, que a Zona Azul é uma necessidade não apenas para o comerciante, mas para o comerciário, pois havendo alternância haverá mais condições de venda e, ao munícipe, terá mais condição de estacionar”, enfatizou.

Já Robertinho aplaudindo a iniciativa disse que o projeto é uma grande conquista para os nova-andradinenses, que clamavam pela implantação do sistema rotativo.  Da mesma forma, o vereador Quemul insistiu em que o sistema é peça importante para que a mobilidade urbana ocorra com qualidade e, para Valter Yasunaka “Nova Andradina tem uma frota de carros muito grande e o projeto também vai gerar empregos, disciplinando o trânsito e favorecendo a clientela”.

 

Nenão lembrou que em 2013, solicitou a implantação do sistema e que a medida proporcionará vários benefícios, permitindo a rotatividade no uso das vagas de estacionamento.

 

O diretor Odair José Mannrich esclareceu outros pontos da implantação, afirmando que haverá um monitoramento totalmente informatizado, onde haverá o controle de todas as operações. “O cidadão apenas comprará um crédito de estacionamento para placa do carro e o monitor fará todo o trabalho de fiscalização e, caso o horário seja excedido será notificado para que compre outro título de estacionamento”, explicou.

 

Comemorando mais este avanço para Nova Andradina, o prefeito Roberto Hashioka lembrou que a medida contempla toda a comunidade e é fruto do planejamento efetivo para alcançar a solução do problema que afeta a cidade, que cresce e se solidifica como polo regional.

 

“Nova Andradina é uma das poucas cidades com mais de 50 mil habitantes que possui três instituições públicas de ensino superior. Aliado a isso, além de sermos polo em saúde, recebemos um grande fluxo de pessoas oriundas de ao menos sete municípios da região, que consomem em nosso comércio e reforçam a nossa frota de veículos. Desta forma, a implantação da Zona Azul vem para atender uma nova demanda da cidade, advinda do grande crescimento econômico que temos vivenciado”, finalizou o prefeito, quando agradeceu a presença e participação de todos, desejando sucesso em mais esse empreendimento em Nova Andradina

Foto Thiago odeque/Cogecom



<< Voltar

PARCEIROS


 

 

ANÚNCIOS


(67) 3441-1955
Av. Antonio Joaquim de Moura Andrade, 1840 - Centro | Nova Andradina / MS

Imagem